PUBLICIDADE

televisão

Cinco décadas de uma grande inovação da TV Brasileira: a primeira novela a cores

Foto: divulgação

A televisão brasileira apresentou, há 50 anos, um novo formato. Às 22 horas do dia 22 de janeiro de 1973, os telespectadores depararam com a primeira exibição, à cores, de novelas. O Bem Amado, da TV Globo, que ficou no ar até o mês de outubro daquele ano, se tornou a primeira da lista. A inovação fez com que a mídia ganhasse um olhar diferenciado, perante ao público de casa.

Foto: divulgação

A teledramaturgia, escrita por Dias Gomes (1922 – 1999), conta a história do prefeito Odorico Paraguaçu, interpretado pelo saudoso Paulo Gracindo. Na trama, mais personagens: Zelão das Asas (Milton Gonçalves), Judicéia Cajazeira (Dirce Migliaccio), Delegada Donana Medrado (Zilka Salaberry), todos esses atores In Memoriam; Zeca Diabo (Lima Duarte) e outros.

Odorico Paraguaçu

Foto: divulgação

Na época, a produção foi substituída por Os Ossos do Barão e em 2010, chegou ao cinema nacional, com Marco Nanini no papel principal.